ATUALIZAÇÕES

01
Ago

Osteoporose

Conceito – Doença metabólica do tecido ósseo, caracterizada por perda gradual de massa óssea que enfraquece os ossos, deteriorando sua microarquitetura e tornando-o susceptível à fratura.


Imagem de microscópio eletrônico de osso osteoporótico

Nos Estados Unidos, estima-se que a doença afeta 8 milhões de mulheres e 2 milhões de homens.

Entre as piores complicações da osteoporose está a fratura de quadril. Os registros americanos publicados em 2004, de pacientes com osteoporose, identificaram 325.000 pacientes com fratura no quadril, por ano. Deste total, estima-se que 25% necessita de homecare, 25% foi a óbito em 1 ano, e 50% não alcançou a capacidade funcional prévia.

Em ambos os sexos, de todas as raças, a massa óssea aumenta com a idade, até aproximadamente os 30 anos. A partir daí, começa a diminuir.

Após o início da menopausa, ocorre uma queda abrupta dos níveis de estrogênio na mulher, que pode reduzir a densidade mineral óssea em 1% a 3% por ano, durante até 10 anos. A partir daí, a densidade mineral óssea se reduz a uma taxa inferior.

Homens possuem maior densidade mineral óssea, mas também apresentam redução em sua densidade mineral, porém, em uma menor taxa do que as mulheres.


Osso Normal


Osteoporose

 

VITAMINA D

A vitamina D funciona como um hormônio, auxiliando na absorção de cálcio e diminuindo a saída do mesmo pela urina. Ela pode ser produzida na pele quando a mesma fica exposta aos raios ultravioleta-B da luz do sol. O tempo equivalente a 5 a 10 minutos de exposição à luz do sol, em pernas e braços desprotegidos, pode produzir 3000UI de vitamina D.

O consumo adequado de cálcio e vitamina D pode diminuir o risco de fraturas osteoporóticas por aproximadamente 25%.

FATORES DE RISCO NÃO-MODIFICÁVEIS:

1) História familiar (genética);
2) Raça branca;
3) Sexo feminino;
4) Osteogênese imperfecta;
5) Menopausa precoce;
6) Idade avançada;

FATORES DE RISCO MODIFICÁVEIS

1) Alcoolismo;
2) Tabagismo;
3) Inatividade – sedentarismo;
4) Má nutrição;
5) Baixa ingestão de cálcio;

 

COMO DIAGNOSTICAR E PREVENIR A OSTEOPOROSE

Pacientes mulheres acima de 65 anos e homens acima de 70 anos devem fazer um exame de densitometria óssea. Aqueles que possuem um ou mais fatores de risco devem fazer o exame mais precocemente: aos 50 anos de idade.



A Organização Mundial de Saúde define osteoporose como uma doença em que a densidade mineral óssea é menor que 2,5 desvios padrões abaixo da densidade óssea normal (pico), corrigida para mesma idade, sexo e raça.

A prevenção da osteoporose deve ser realizada com mudanças no estilo de vida, principalmente evitando-se os fatores de risco modificáveis, já anteriormente descritos. Deve-se, ainda, procurar se expor à luz solar com moderação, além de manter uma dieta rica em vitamina D e cálcio.

A prevenção medicamentosa se dá com a utilização de suplemento rico em cálcio, e medicamentos à base de vitamina D.

Alguns medicamentos, como os bisphosfonados, agem como prevenção e tratamento da osteoporose. Existem trabalhos que indicam redução de até 50% no risco de fraturas de quadril.


Imagem de osteoclasto, esta célula é responsável pela reabsorção óssea. os bisfosfonatos inibem a reabsorção e a atividade osteoblástica e a mineralização óssea são preservadas

PREVENÇÃO DE QUEDAS EM IDOSOS

. Utilizar luzes por toda a casa;
. Evitar tapetes no chão;
. Evitar pisos muito lisos. Dar preferência a pisos antiderrapantes;
. Evitar degraus e fios que acabam se tornando obstáculos;
. Evitar calçados com solado liso ou andar utilizando meias;
. Usar apenas escadas com corrimão;
. No banheiro, o idoso deve se utilizar de barras fixas nas paredes para o apoio, além de cadeira de banho, caso necessário;
. Evitar pisos ou calçadas irregulares, utilizar bengala ou andador, conforme orientação médica;
. Utilizar mochilas ou acessórios que permitam carregar seus pertences, mas que mantenham, ainda, as mãos livres;
. Tratar, com oftalmologista, doenças que atingem a visão;
. Tratar, com neurologista, doenças que atingem o equilíbrio e a força;


VEJA TAMBEM:
Últimas postagens
28 de agosto, 2017
11 de agosto, 2017
01 de agosto, 2017